Osaka: A arquitetura de uma metrópole vibrante
Osaka, a maior cidade do oeste do Japão, é um baú de tesouros arquitetônicos, a começar pelo Castelo de Osaka, uma fortaleza construída pelo poderoso general do século XVI, Toyotomi Hideyoshi. Edifícios altamente estilizados sobrevivem também desde a era de Dai-Osaka — a Grande Osaka — no início do século XX, quando era a cidade mais populosa do Japão. Depois disso, em 1970, a cidade foi sede da primeira Expo Internacional da Ásia, um evento ainda relembrado pela impressionante Torre do Sol. James Lambiasi, um arquiteto dos Estados Unidos, descobre a história e a cultura de Osaka através de seus edifícios. (Reprise do programa transmitido originalmente no dia 22 de abril de 2021.)
O arquiteto James Lambiasi
O Castelo de Osaka, construído originalmente em fins do século XVI, foi destruído num incêndio. O castelo que existe até hoje foi reconstruído na década de 1930.
A "Torre do Sol" foi criada pelo artista de vanguarda Okamoto Taro para o Pavilhão Temático da Expo de 1970
A "Torre Tsutenkaku" é uma estrutura de aço de 100 metros de altura localizada no coração do distrito de entretenimento conhecido como Shinsekai (Novo Mundo), e é um dos principais símbolos de Osaka.