Pigmentos que brilham no escuro
Feito no Japão! Fascinantes histórias e segredos por trás das mais populares e intrigantes invenções japonesas. Esta edição é sobre pigmentos fosforescentes, que absorvem a luz e brilham no escuro. Uma versão desses pigmentos sem substâncias radioativas foi inventada no Japão em 1993. Eles são agora utilizados no mundo inteiro em produtos como faces de relógios e sinalização de emergência. Ouvimos histórias pouco conhecidas por trás da criação dos pigmentos, inclusive como eles nasceram de uma companhia que estava à beira da falência.
Pigmentos brilhando depois de absorver luz
Sinais de emergência pintados com os pigmentos
Nemoto Ikuyoshi, presidente e CEO da companhia que inventou os pigmentos
Aoki Yasumitsu, que foi responsável pelo desenvolvimento dos pigmentos