Tradição de Kyoto feita sob medida no Togo
Um jovem alfaiate africano está prestes a criar um rebuliço em Kyoto, um centro da estética tradicional japonesa. Kabressa Deabalo, de 30 anos, foi consagrado como mestre alfaiate no Togo, seu país natal. Vamos acompanhar seus esforços para testar a habilidade que ele adquiriu na África na antiga capital japonesa.
O alfaiate do Togo Kabressa Deabalo
Um paletó mesclando um tecido tradicional de Kyoto com a perícia de Deabalo
Um artesão tingidor de Kyoto que herdou as habilidades tradicionais (dir.). Deabalo ficou fascinado com sua sofisticada técnica.
Deabalo encontrou com Nakasu Toshiharu (esq.), um japonês que tem se esforçado para conectar Kyoto e Togo através dos tecidos. Os dois abriram conjuntamente uma alfaiataria.