As dificuldades diárias de um vendedor paquistanês de veículos usados
O número de estrangeiros no Japão alcançou um novo recorde em 2019, ultrapassando a marca dos 2,8 milhões de pessoas, cerca de 2% da população do país. Vivendo em suas comunidades, eles tornaram-se parte da sociedade japonesa. Este programa mostra um pouco de suas vidas e algumas das dificuldades que eles enfrentam.

Mais de 600 vendedores de várias partes da Ásia e do Oriente Médio reuniram-se num enorme leilão de veículos usados. São exportadores estrangeiros que vieram morar no Japão em busca de um bom negócio para tentarem ter sucesso em seu novo país. Vamos conhecer as dificuldades diárias de um deles, Mian Mohammad Sadiq, do Paquistão.
(Reprise do programa transmitido no dia 28 de julho de 2020.)
Mian Mohammad Sadiq, do Paquistão, é um vendedor de caminhões usados na cidade de Oyama, na província de Tochigi
Sadiq faz lances para comprar veículos usados durante um leilão na cidade de Oyama
Voluntários muçulmanos, incluindo Sadiq, construíram uma das maiores mesquitas do Japão