Japão e Índia convidam imprensa para cobrir simulação aérea conjunta

Autoridades de defesa do Japão e da Índia permitiram que membros da imprensa cobrissem o exercício militar conjunto com jatos que está sendo realizado pelos dois países nas proximidades de Tóquio. Afirmam estarem realizando os preparativos para uma simulação similar na Índia.

Na segunda-feira, a Força Aérea de Autodefesa do Japão e a Força Aérea Indiana convidaram repórteres para observar a primeira sessão de treinamento do tipo já realizada entre os dois países no Japão. Os exercícios tiveram início na Base de Hyakuri na província de Ibaraki, localizada ao nordeste de Tóquio, no dia 16 de janeiro e devem continuar até o dia 26.

O mau tempo fez com que as aeronaves indianas ficassem imobilizadas, mas um comandante indiano participou de carona em um jato F-2 japonês. O comandante da Força Central de Defesa Aérea, Sakamoto Koichi, e o marechal do ar Pankaj Sinha, que lidera o Comando Aéreo Ocidental da Força Aérea Indiana, realizaram uma coletiva de imprensa conjunta. Sakamoto disse que o exercício pode ajudar a aprofundar os laços entre as duas forças e contribuir para a paz e a estabilidade regionais.

Sinha disse que suas culturas e idiomas são diferentes, mas que descobriram diversas coisas em comum. Ele divulgou que a Força Aérea Indiana havia pedido à Força Aérea de Autodefesa do Japão que realizasse um exercício conjunto com jatos na Índia.