Premiê japonês se encontra com presidente dos EUA em Washington na sexta-feira

O primeiro-ministro japonês Kishida Fumio está prestes a realizar uma reunião de cúpula com o presidente americano Joe Biden em Washington nesta sexta-feira (13).

Kishida está em visita aos Estados Unidos como última parte de seu giro por cinco países do Grupo dos Sete. O Japão preside este ano o G7 e irá sediar a cúpula do grupo em Hiroshima, em maio.

No encontro bilateral, Kishida e Biden devem reafirmar a união do G7, já que o mundo enfrenta desafios tais como a invasão russa à Ucrânia, bem como as crises alimentar e energética.

Kishida pretende informar Biden sobre uma grande mudança na política de segurança do Japão, anunciada mês passado. As alterações incluem a obtenção de capacidades para lançar contraofensivas e vultuosos aumentos no orçamento de defesa.

Kishida, tendo em mente as movimentações cada vez mais assertivas da China, quer mostrar que o Japão e os Estados Unidos estão alinhados quanto a suas estratégias de segurança e prontos para impulsionar as capacidades de dissuasão, bem como as de reação de sua aliança bilateral de segurança.

Os dois líderes também devem confirmar o estreitamento da cooperação bilateral em segurança econômica, incluindo o desenvolvimento de tecnologias de ponta, tais como as relacionadas a chips, computação quântica e biotecnologia.