La Niña pode trazer neve pesada ao Japão, dizem autoridades meteorológicas

Autoridades meteorológicas no Japão afirmaram que o fenômeno La Niña parece continuar. Elas advertem que isso pode trazer neve pesada ao país até o próximo mês.

Na quarta-feira, a Agência de Meteorologia do Japão informou que as temperaturas das superfícies do mar continuaram baixas no Oceano Pacífico equatorial oriental ao largo do Peru no mês passado, indicando que o La Niña continua.

Segundo autoridades meteorológicas, o fenômeno faz com que os ventos do oeste predominantes sobre o Japão vaguem, e isso tende a fazer com que as temperaturas fiquem mais baixas no país. As autoridades advertem que o Japão pode ter neve pesada, especialmente no lado voltado para o Mar do Japão, até fevereiro.

A Agência de Meteorologia acrescentou que pode haver períodos de temperaturas mais altas, dependendo da sinuosidade dos ventos do oeste. O órgão pede, também, que a população permaneça alerta para possíveis avalanches.