China suspende emissão de vistos para viajantes do Japão

A China suspendeu a emissão de determinados tipos de visto para cidadãos do Japão e da Coreia do Sul. Pequim anunciou as novas restrições de entrada na terça-feira (10).

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Wang Wenbin, afirmou: “Uma série de países — desconsiderando a ciência, fatos e sua própria situação epidêmica — tem insistido em tomar medidas discriminatórias de entrada contra a China. Pequim protesta com firmeza contra isso e anuncia que irá tomar medidas recíprocas”.

Muitos países passaram a impor controles de fronteira mais rígidos para passageiros que chegam da China, onde as infecções por coronavírus têm crescido vertiginosamente.

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Hayashi Yoshimasa, afirmou: “Passamos a implementar medidas em nossos pontos de entrada ao país, mas temos tomado todas as precauções possíveis para garantir que o fluxo internacional de pessoas não seja interrompido. É extremamente lamentável que a China esteja restringindo a emissão de vistos por razões que extrapolam medidas contra o coronavírus”.

O Japão agora exige que passageiros vindos da China continental mostrem prova de resultado negativo para teste de Covid-19 feito dentro de 72 horas antes do embarque. E, a partir de quinta-feira (12), também pretende adotar medidas similares para pessoas que chegam ao Japão vindas de Macau.