Presidente da China pede união em nova fase da resposta à Covid-19

O presidente da China pediu união à população em um momento em que o país entra em nova fase na sua resposta à propagação do coronavírus.

Xi Jinping fez sábado seu pronunciamento de Ano-Novo transmitido pela rede estatal de televisão e por outros órgãos de comunicação da China.

Ele exaltou resultados de medidas antivírus do governo, dizendo que Pequim “nunca deixou de dar prioridade à população e de colocar a vida humana em primeiro lugar”. Não fez menção à política de Covid zero.

Desde o afrouxamento de medidas rigorosas no mês passado, o vírus tem se espalhado de maneira explosiva por toda a China. Especialistas advertem que o contágio vem aumentando acentuadamente em Xangai, na província de Hubei e em outras partes do país.

O presidente declarou: “Entramos agora em uma nova fase da resposta à Covid-19, na qual ainda existem diversos desafios. Todas as pessoas estão persistindo com grande força moral, e a luz da esperança está bem à nossa frente. Façamos um esforço extra para superar as dificuldades, pois perseverança e solidariedade se traduzem em vitória.”

Antes do afrouxamento das medidas antivírus, Xi Jinping tem enfatizado repetidas vezes que perseverança se traduzirá em vitória.

No pronunciamento de Ano-Novo, ele se referiu a Taiwan sem empregar expressões severas. Declarou: “Habitantes dos dois lados do Estreito de Taiwan são membros de uma mesma e única família.”

Acrescentou que espera “com sinceridade que os compatriotas de ambos os lados do estreito trabalhem juntos com unidade de propósitos para promover conjuntamente a prosperidade duradoura da nação chinesa”.