Ex-chanceler Wang Yi assume posto máximo da diplomacia chinesa

O ex-chanceler da China, Wang Yi, assumiu o principal posto da diplomacia do país, substituindo Yang Jiechi.

A chancelaria chinesa afirmou no domingo que Wang agora é diretor do Escritório da Comissão Central de Assuntos Estrangeiros do Partido Comunista.

Wang foi chanceler da China por mais de nove anos. Ele havia ocupado anteriormente os postos de embaixador no Japão e vice-chanceler.

O diplomata de 69 anos foi promovido ao Escritório Político do Comitê Central do partido em outubro. O comitê de 24 membros é o mais importante organismo decisório do partido.

Wang foi sucedido como chanceler por Qin Gang, um ex-porta-voz da chancelaria e embaixador nos Estados Unidos.

O diplomata de alto escalão Song Tao assumiu o posto principal no Escritório de Assuntos de Taiwan do Conselho de Estado em dezembro. Ele havia chefiado o Departamento Internacional do Comitê Central do partido por aproximadamente 7 anos.

Song seria próximo do presidente Xi Jinping, uma vez que ele trabalhou por mais de duas décadas na província de Fujian, onde Xi era um alto funcionário.

Analistas afirmam que Xi planeja manter sua política de linha dura na diplomacia preenchendo postos-chave com seus apoiadores.