United Airlines informa que 3 mil funcionários estão com Covid-19

Milhares de voos foram cancelados nos Estados Unidos, em parte devido à falta de funcionários em meio à onda de casos de coronavírus no país. Uma das principais companhias aéreas americanas, a United Airlines afirmou que cerca de 3 mil funcionários estão infectados pelo vírus no momento.

O CEO da United, Scott Kirby, divulgou a informação em um e-mail enviado aos funcionários na terça-feira. Acrescentou que em um único dia, aproximadamente um terço da força de trabalho da cia aérea no Aeroporto de Newark, no estado de Nova Jersey, estava afastada por motivo de saúde.

Mas Kirby ressaltou que, dentre os funcionários vacinados, nenhum foi hospitalizado e não houve mortes relacionadas à Covid-19 por oito semanas consecutivas. Ele atribui o resultado à obrigatoriedade da vacina para os cerca de 67 mil funcionários da empresa.

À medida que a variante ômicron se espalha nos Estados Unidos, companhias aéreas têm tido dificuldade devido à falta de pessoal relacionada à Covid, o que tem causado dificuldades na operação de voos.

Mais de 14 mil voos foram cancelados nos Estados Unidos ao longo do período de dez dias até 2 de janeiro, parcialmente devido à ausência de funcionários.