Quase 1.800 casos de Covid foram registrados em bases militares dos EUA no Japão

Segundo um funcionário de alto-escalão do governo do Japão, foram confirmados quase 1.800 casos de infecções de coronavírus em instalações militares dos Estados Unidos no Japão.

O vice-secretário-chefe do gabinete do governo, Isozaki Yoshihiko, disse na sexta-feira que o número de casos registrados até o dia anterior era de 1.784.

Segundo Isozaki, o número inclui 133 na base de Misawa, na província de Aomori, 213 na base de Yokosuka, na província de Kanagawa, e 529 na base de Iwakuni, província de Yamaguchi. Há também 282 em Camp Hansen, 103 em Camp Zukeran e 101 na base de Kadena, todas as três na província de Okinawa.

Isozaki disse que o governo está esperando receber os resultados de todas as análises de genoma realizadas pelos militares americanos em Camp Hansen, nas pessoas infectadas. Ele acrescentou que o governo vai monitorar cuidadosamente a situação das infecções dentro e fora das instalações dos Estados Unidos, e discutir os vários passos a serem tomados com os militares daquele país, inclusive testes PCR para variantes do coronavírus.

Isozaki revelou que seu governo e o lado dos Estados Unidos estão nos últimos estágios das discussões sobre a realização de testes PCR para variantes do coronavírus na base de Iwakuni.

Ele acrescentou que o governo vai continuar pedindo que os militares dos Estados Unidos garantam medidas de combate ao contágio, se esforcem para tranquilizar residentes locais e compartilhem as informações mais recentes com as pessoas relevantes nos dois lados.