Líderes empresariais japoneses defendem inovação corporativa para estimular crescimento econômico

Líderes empresariais japoneses defendem a inovação corporativa para estimular o crescimento econômico. Eles encorajam empresas a enxergarem a pandemia de coronavírus como uma oportunidade de negócios.

Na quarta-feira, três organizações empresariais de grande porte realizaram um encontro anual para comemorar o Ano Novo. Mais de 200 pessoas compareceram ao evento – uma fração do número de participantes da reunião anterior. O evento do ano passado foi cancelado pela primeira vez por causa da pandemia.

Em seu discurso, o presidente da Associação Japonesa de Executivos Corporativos, Sakurada Kengo, afirmou: “Eu quero que este ano marque o início de um período em que as pessoas no Japão se tornem mais ricas através de um novo ciclo de crescimento e distribuição.”

Mais tarde, Sakurada se encontrou com repórteres ao lado dos chefes da Federação Japonesa de Negócios (Keidanren), Tokura Masakazu, e da Câmara de Comércio e Indústria do Japão, Mimura Akio.

Tokura mencionou o pedido do primeiro-ministro Kishida Fumio para que empresas elevem os salários. Ele disse que companhias que gozam de desempenhos econômicos robustos deveriam transferir parte dos lucros aos seus empregados e à sociedade como um todo. O presidente da Keidanren declarou ainda ter pedido ao governo que crie um sistema de seguridade social sustentável para que as pessoas gastem mais.