Atacadistas de petróleo no Japão reformulam negócios para lidar com descarbonização

Atacadistas de petróleo no Japão estão reformulando suas operações para lidar com os desafios da descarbonização. As empresas do ramo estão de olho em fontes de energia de próxima geração e em novos tipos de combustíveis, já que a demanda por gasolina deve cair.

A Eneos Holdings reforça seus negócios relacionados ao hidrogênio. Ela inaugurou 47 postos para veículos movidos a célula de combustível no Japão. Também deposita suas esperanças em um combustível sintético produzido a partir de dióxido de carbono e hidrogênio. A Eneos Holdings visa o uso prático de tecnologia para manufaturar o produto.

Ota Katsuyuki, presidente do conglomerado, declarou à NHK que é importante proporcionar formas de energia que atendam às necessidades dos tempos.

Já a Cosmo Energy Holdings está ampliando suas instalações de geração de energia eólica em alto-mar.

A Idemitsu Kosan, por sua vez, planeja potencializar sua rede de postos de gasolina, oferecerendo aos clientes, inclusive, uma gama maior de produtos e serviços, como, por exemplo, vegetais produzidos localmente.