Cidade de Kani, em Gifu, realiza sessão de consultas sobre declaração de imposto de renda para estrangeiros

No dia 21 de dezembro, uma sessão especial de consultas sobre impostos foi realizada na cidade de Kani, província de Gifu, para ajudar residentes estrangeiros da província a preencher os formulários de devolução de imposto de renda no Japão.

Esta foi a primeira sessão deste tipo a ser oferecido pela repartição de impostos de Tajimi. O evento foi organizado com a colaboração da Associação de Intercâmbio Internacional da Cidade de Kani, uma organização sem fins lucrativos.

Cerca de 7.800 residentes estrangeiros, muitos de países como as Filipinas e o Brasil, vivem em Kani e, devido à barreira do idioma, dar entrada nos papeis da declaração de imposto de renda pode ser um grande desafio.

Segundo a repartição de impostos, não é raro residentes estrangeiros precisarem revisar suas declarações de imposto de renda várias vezes até estar tudo certo. Nessa sessão especial, todos os esforços foram feitos para explicar quais documentos são necessários e como preencher cada parte dos vários formulários de declaração de imposto.

Um brasileiro de 20 anos que veio obter aconselhamento disse que tinha preenchido seus próprios formulários de devolução de imposto de renda em anos anteriores, mas que o processo é bastante difícil. Ele disse que achou este serviço especial de consulta extremamente útil.

A repartição de impostos de Tajimi pretende realizar uma outra sessão para cidadãos estrangeiros em janeiro. Uma funcionária disse esperar que as pessoas utilizem essas sessões de consulta para verificar toda a documentação e o procedimento com antecedência e não precisem ter o trabalho de preencher os formulários mais de uma vez.