Candidato à presidência da Coreia do Sul se encontra com embaixador japonês

O candidato do partido governista da Coreia do Sul que concorrerá à presidência manifestou sua disposição a melhorar as relações bilaterais com o Japão.

A eleição presidencial da Coreia do Sul está marcada para março do ano que vem. O candidato do Partido Democrático, Lee Jae-myung, se encontrou com o embaixador japonês Aiboshi Koichi na segunda-feira em Seul.

Lee disse que os dois países são descritos com frequência como estando "próximos, mas distantes", mas que ele quer que se tornem tanto geograficamente quanto psicologicamente próximos.

Ele pediu que os dois lados reconheçam e entendam os fatos, buscando uma cooperação orientada para o futuro.

Lee também falou sobre visita anterior ao Japão.

Aiboshi respondeu que ele estava feliz em ouvir sobre os laços pessoais de Lee com o Japão.

Membros do Partido Democrático dizem que a reunião, realizada a portas fechadas, não focou em assuntos disputados entre os dois países, como a questão de trabalhos realizados no período da guerra.

O candidato a presidência do principal partido oposicionista, Yoon Suk-yeol do Partido do Poder do Povo, se encontrou com Aiboshi no mês passado e manifestou sua esperança de melhora para os laços entre os dois países.