Pianista japonesa realiza concerto às vésperas de completar 100 anos de idade

Uma pianista japonesa realizou um concerto às vésperas de completar 100 anos de idade.

Muroi Mayako nasceu em 1921. Ela iniciou sua carreira como pianista profissional em 1945 e, posteriormente, se mudou para Berlim, tendo se apresentado em 13 países quando estava na faixa etária entre 30 e 50 anos. Muroi é a pianista mais velha em atividade no Japão.

O concerto comemorativo ocorreu na quarta-feira, em Tóquio, às vésperas do aniversário de 100 anos da pianista, no dia 18 de abril. Ela executou “Para Elisa” e “Sonata ao Luar”, de Beethoven. A apresentação lírica e suave resultou em aplausos entusiásticos da plateia.

Durante o concerto, Muroi Mayako falou sobre como se sentia ao se tornar uma centenária. Ela disse que veio a entender o que é necessário para ser uma boa artista, e que precisava aprofundar o que está dentro de si como ser humano. A pianista afirmou pensar que, desse modo, será capaz de criar sua própria arte. Ela disse sentir profundamente que se dedicar à arte é algo infinito. Para Muroi, viver 200 anos não seria suficiente.

Uma pianista, que é discípula de Muroi Mayako, declarou ter ficado impressionada com a apresentação de sua mestra, e que não acreditava que foi realizada por alguém prestes a completar 100 anos. Ela também disse esperar que Muroi cuide bem da saúde e continue a se apresentar sempre que possível.