Cidade de Hachioji abre agendamentos para vacinação de idosos residentes no município

A cidade de Hachioji, nos subúrbios de Tóquio, começou a realizar agendamentos para que idosos tomem a vacina do coronavírus, tendo em vista o início da campanha de vacinação que está marcada para a semana que vem.

Hachioji conta com a maior população idosa da região metropolitana de Tóquio e, junto com o distrito de Setagaya, pretende começar a vacinar residentes com 65 anos ou mais na segunda-feira da semana que vem, antes de outras áreas da capital japonesa.

Autoridades de Hachioji começaram a aceitar agendamentos por meio de uma central telefônica ou via website, nesta segunda-feira (5). O município deve receber 1.900 doses no final de semana.

Logo após abrir, às 9h, a central passou a receber muitos telefonemas. Os agendamentos serão feitos na ordem em que forem solicitados. Todos os horários disponíveis foram preenchidos em cerca de uma hora e meia.

Uma autoridade municipal de Hachioji afirmou que somente cerca 1% dos idosos elegíveis conseguirão receber as doses ainda em abril e que, portanto, muitos podem ficar desapontados. No entanto, ressaltou que essas pessoas podem vir a receber a vacina no próximo mês ou pouco mais tarde. Assim, as autoridades continuam a aconselhar medidas rígidas contra o vírus enquanto as pessoas aguardam sua vez de serem vacinadas.