Japão compromete-se a contribuir para uma sociedade sem emissões de gás carbônico

O primeiro-ministro do Japão afirma que o seu país mantém o compromisso de contribuir para a concretização de um mundo sem emissões de gás carbônico.

Suga Yoshihide fez a declaração quarta-feira, no primeiro encontro de uma comissão de especialistas formada pelo governo japonês para discutir a concretização de uma sociedade sem emissões de gás carbônico, antes de várias negociações internacionais que estão programadas sobre o clima, incluindo a COP26. Destacou que enfrentar mudanças climáticas e fazer avançar a descarbonização são questões prementes em escala global.

O premiê afirmou que um crescimento econômico robusto e de longo prazo só serão possíveis para o Japão se o país for capaz de transformar em oportunidades de negócios restrições decorrentes do movimento em favor da neutralidade de carbono. Suga acrescentou que o seu governo vai estudar meios pelos quais o Japão possa dar a sua contribuição ao movimento e liderar a comunidade internacional nas discussões.