Japão registra 1.200 casos de falências de companhias por conta da pandemia do coronavírus

A empresa de pesquisa de crédito Teikoku Databank diz que 1.200 companhias no Japão foram à falência desde o mês de fevereiro do ano passado por conta do impacto da pandemia do coronavírus.

Segundo a companhia, esse número cobre empresas e proprietários de empreendimentos privados que registraram a falência, ou suspenderam suas atividades para dar início aos procedimentos legais de liquidação.

Bares e restaurantes estão no topo da lista das indústrias com 195 casos, vindo em seguida empresas de construção com 104 casos, e hotéis e hospedarias com 84 casos. Por província, Tóquio registrou 287, Osaka 113 e Kanagawa 69 casos de bancarrota.