Trem-bala japonês passa a oferecer serviço de transporte de carga

O Shinkansen, como é conhecido o trem-bala japonês, passou a utilizar assentos vazios em seus vagões para oferecer um serviço de transporte de carga, já que a pandemia de coronavírus continua a afetar a demanda de passageiros.

O serviço de transporte de carga foi lançado, na quarta-feira, pela companhia ferroviária JR Hokkaido, em conjunto com a gigante dos serviços de entrega Sagawa Express. Os trens-bala podem reduzir o tempo de transporte entre a ilha de Hokkaido e a província de Aomori, no norte da ilha de Honshu, a principal do país, em cerca de seis horas em comparação com serviços de balsas convencionais.

A companhia ferroviária planeja operar um trem-bala a cada dia da semana para o serviço. Ela espera que isso se torne uma nova fonte de receita, já que o número de passageiros continua baixo.