Manifestantes em Tóquio pedem que comunidade internacional ajude Mianmar

Milhares de pessoas se reuniram no domingo em Tóquio para pedir pelo apoio aos protestos contra o golpe militar em Mianmar.

A manifestação foi organizada por um grupo de pessoas de Mianmar que vivem no Japão. De acordo com os organizadores, cerca de 3.500 pessoas se reuniram nas proximidades da Embaixada do EUA em Tóquio, localizada no distrito de Minato.

Alguns dos participantes levavam cartazes com os dizeres “Mianmar precisa de ajuda”. Outros levaram fotos da ex-conselheira de Estado Aung San Suu Kyi, que atualmente se encontra presa. Os manifestantes pediram que a comunidade internacional apoiasse as pessoas em Mianmar exercendo pressão sobre os militares.

Uma mulher que participou da manifestação em Tóquio declarou que quer dizer ao mundo: “Nos ajude! Não nos abandone!”