Nissan vai suspender operações em duas de suas fábricas no Japão por causa de terremoto

Mais uma fabricante japonesa de automóveis decidiu suspender parte de sua produção doméstica como resultado da interrupção no fornecimento de peças causada por um forte terremoto. Desta vez a Nissan Motor anunciou a paralisação de dois dias em algumas fábricas do país a partir de segunda-feira.

A fábrica de Oppama, na província de Kanagawa é responsável pela montagem dos principais veículos de passageiros da empresa, enquanto a de Shonan, na mesma província, fabrica pequenos veículos comerciais.

A suspensão é resultado de um forte terremoto que atingiu gravemente uma fornecedora de peças na província de Fukushima, levando à paralisação da produção de suspensões de veículos.

A Toyota Motor, maior fabricante de veículos do Japão, suspendeu algumas das operações de nove de suas fábricas entre quarta-feira e sábado.