EUA confirmam pagamento de mais de US$ 200 milhões à OMS

Os Estados Unidos afirmaram que pretendem pagar mais de 200 milhões de dólares em cumprimento de suas obrigações junto à Organização Mundial da Saúde (OMS) até o final deste mês.

O país também ressaltou sua intenção de trabalhar de perto com a agência das Nações Unidas no combate ao coronavírus, marcando uma mudança de posicionamento em relação ao ex-presidente Donald Trump.

Na quarta-feira, o secretário de Estado americano, Antony Blinken, falou aos participantes de uma reunião ministerial online do Conselho de Segurança da ONU sobre as respostas à pandemia. Ele disse que o presidente Joe Biden deixou claro “que os Estados Unidos vão, novamente, atuar como um líder global na área de saúde”.