Pesquisa indica que taxa de aprovação do gabinete japonês cai para 38%

A mais recente pesquisa de opinião pública conduzida pela NHK indica que a taxa de desaprovação do gabinete do primeiro-ministro do Japão, Suga Yoshihide, foi superior à taxa de aprovação pelo segundo mês consecutivo.

A pesquisa foi realizada durante o fim de semana através de chamadas feitas aleatoriamente a números de telefone, com pessoas de 18 anos ou mais de idade. Um total de 1.249 pessoas, ou 58%, respondeu à enquete.

A taxa de aprovação do gabinete foi de 38%, com uma queda de 2 pontos percentuais em comparação com os resultados de janeiro. A taxa de desaprovação foi de 44%, com uma alta de 3 pontos percentuais.

Perguntados sobre a resposta do governo em relação ao coronavírus, 4% dos entrevistados disseram que o governo está fazendo um trabalho muito bom, 40% responderam que está lidando razoavelmente bem, 39% disseram que não está lidando muito bem, e 14% disseram que a resposta é muito ruim.

O governo está se preparando para começar a administrar as vacinas contra a Covid-19 em meados de fevereiro. Daqueles que responderam à pesquisa, 61% disseram que querem ser vacinados, 28% disseram que não querem, e 12% estavam indecisos ou se abstiveram de responder.