Governo do Japão irá considerar suspender estado de emergência em algumas províncias

O governo do Japão planeja realizar nesta semana uma reunião com especialistas para avaliar a possibilidade de suspender o estado de emergência em algumas das regiões nas quais a medida está em vigor.

O governo está realizando os preparativos para fazer algumas modificações a suas diretrizes básicas de resposta ao vírus de acordo com a recente revisão à lei de medidas especiais para o coronavírus. As mudanças na lei entrarão em vigor no sábado. Autoridades governamentais planejam tomar uma decisão após ouvir a opinião dos especialistas na sexta-feira.

Também devem discutir sobre o estado de emergência atualmente em vigor em 10 províncias. É provável que analisem a possibilidade de antecipar a suspenção do estado de emergência para algumas das províncias.

Caso o estado de emergência seja suspenso em uma província, as autoridades irão então analisar se será necessária a implementação de um novo sistema de prevenção a infecções em tal província. Este processo está previsto e delineado na lei revisada.

Nesta terça-feira, o ministro da Revitalização Econômica Nishimura Yasutoshi, que está encarregado pela resposta nacional ao coronavírus, se encontra com o ministro da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social Tamura Norihisa, para ouvir a opinião de especialistas. Entre os tópicos na agenda está incluso como proceder após a revisão da lei de medidas especiais entrar em vigor.

Após um aumento na movimentação de pessoas nas ruas durante o final de semana, Nishimura alertou à população na segunda-feira sobre complacência.