Japão retoma negociações sobre precificação de carbono

Um painel do Ministério do Meio Ambiente do Japão retomou conversações sobre a precificação do carbono. Esta é a primeira vez em cerca de 18 meses que os especialistas discutem o assunto por causa da pandemia do coronavírus.

A precificação do carbono é um sistema sob o qual empresas e residências arcariam com os custos baseados em suas emissões de carbono.

O ministro da pasta, Koizumi Shinjiro, disse durante a reunião realizada na segunda-feira que ele acredita que, para que o Japão alcance uma sociedade neutra em carbono até 2050, será essencial implementar uma precificação de carbono que possa levar a um crescimento econômico. Koizumi adicionou que discussões mais aprofundadas serão necessárias para ouvir ambos os lados contra e a favor da medida.

O painel discutiu as características e problemas do sistema de comércio de emissões, incluindo uma taxação sobre o carbono.

Membros do painel disseram que, caso sejam implementados novos subsídios pagos através de impostos sobre o carbono, eles promoveriam inovações tecnológicas por parte da iniciativa privada, que por sua vez iriam gerar crescimento.

O painel espera compilar um documento com seus pontos de vista sobre a precificação de carbono até o final deste ano.