Reino Unido solicita candidatura à Parceria Transpacífica

Uma ministra do gabinete britânico declarou acreditar que será uma vitória para todas as partes se seu país se juntar à Parceria Transpacífica (TPP na sigla em inglês), beneficiando o Reino Unido e seus parceiros comerciais na região Ásia-Pacífico.

Na segunda-feira, a ministra do Comércio Internacional do Reino Unido, Elizabeth Truss, conversou em uma reunião online com o ministro da Revitalização Econômica do Japão, Nishimura Yasutoshi. O Japão é o presidente do tratado comercial para o ano de 2021. Também participou da reunião um representante da Nova Zelândia, país que serve atualmente como depositário para os 11 membros da parceria.

Truss revelou que seu governo fez um pedido oficial para se juntar ao TPP, solicitando que o pedido fosse aceito. Nishimura disse que ele recebia de bom grado a solicitação do Reino Unido, ao qual se referiu como um “parceiro global e estratégico que compartilha de valores básicos”. O ministro japonês declarou que este poderia ser possivelmente um passo em direção à extensão, para além da região Ásia-Pacífico, das regras internacionais de alto nível sobre comércio e investimento.

Nishimura disse que o Japão irá se esforçar para garantir que o processo de candidatura do Reino Unido seja realizado com sucesso.