Governo japonês acelera preparativos para aprovar vacina da Pfizer

Segundo informação obtida pela NHK, o Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão está planejando discutir com um painel de especialistas na semana que vem no que diz respeito à aprovação da vacina contra o coronavírus desenvolvida pela empresa farmacêutica americana Pfizer.

Fontes ligadas ao ministério disseram que os arranjos para a realização da reunião na sexta-feira da semana que vem estão na fase final. A Pfizer firmou um contrato com o governo japonês para fornecer doses para vacinar 72 milhões de pessoas neste ano. Na semana passada, a empresa submeteu ao ministério dados sobre testes clínicos da vacina no Japão.

O ministério está examinando a eficácia e a segurança da vacina, com base nos dados apresentados e nos resultados dos testes clínicos realizados no exterior.

Segundo as fontes mencionadas, a vacina, se aprovada, será administrada, no momento, somente em pessoas com 16 anos ou mais de idade. Autoridades também planejam não permitir a inoculação a pessoas que tenham tido fortes reações alérgicas a algum dos ingredientes da vacina.

Se o painel de especialistas der o sinal verde, o ministério deverá emitir uma aprovação oficial dentro de alguns dias. O governo espera iniciar a vacinação dos trabalhadores da área médica já no final deste mês.