COI reitera compromisso de realizar Jogos de Tóquio com “segurança e sucesso”

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, reiterou o compromisso da entidade de realizar os Jogos de Tóquio deste ano com segurança e sucesso.

Na quarta-feira, o COI realizou a primeira reunião do ano de seu quadro executivo. Em coletiva de imprensa após o encontro online, Bach reconheceu a existência de vários relatos a respeito do cancelamento ou de propostas de adiamento da Olimpíada de Tóquio em meio às incertezas provocadas pela pandemia de coronavírus.

Thomas Bach disse: “Todas essas especulações afetam os atletas em sua preparação”. Ele acrescentou que é impossível cancelar os Jogos, adiá-los para 2032, ou mesmo realizá-los em outra cidade-sede.

Bach anunciou que o Comitê Olímpico Internacional vai divulgar, no começo do próximo mês, diretrizes sobre como participar dos Jogos em meio à pandemia, incluindo meios de entrar no Japão e medidas para evitar a infecção.

Ele ressaltou que o papel do COI é realizar a Olimpíada e que a entidade estará totalmente focada na cerimônia de abertura prevista para o dia 23 de julho.