Japão pode passar a vacinar idosos contra coronavírus a partir de 1º de abril

O ministro da Reforma da Regulamentação do Japão, Kono Taro, afirmou que a vacinação de idosos contra o coronavírus terá início, na melhor das hipóteses, a partir do dia 1º de abril.

O governo japonês tem por objetivo iniciar a vacinação de trabalhadores da saúde no final de fevereiro e, então, ampliar o escopo gradualmente até chegar aos idosos, seguido de pessoas com doenças subjacentes, entre outros.

Encarregado do programa de inoculação do país, Kono declarou à imprensa, na quarta-feira, que o governo levou em consideração o número de trabalhadores da saúde e informações da Pfizer – que fornecerá a vacina – para tomar a decisão sobre a implantação da vacinação de idosos.

O ministro disse ter transmitido essa perspectiva à Associação Nacional de Governadores e outras organizações locais. Ele acrescentou que o cronograma de suprimento de vacinas ainda não foi determinado, e que não há necessidade de os governos locais garantirem até março instalações onde as pessoas serão inoculadas.