Tem início primeiro congresso em cinco anos do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte

De acordo com a mídia estatal da Coreia do Norte, teve início na terça-feira o congresso do governista Partido dos Trabalhadores.

Este é a primeira reunião do tipo a ser realizada em cinco anos. Os holofotes estão voltados para o que será decidido com relação ao planejamento futuro para áreas como os programas nuclear e de mísseis do país. O evento está sendo realizado cerca de duas semanas antes do presidente-eleito dos Estados Unidos Joe Biden assumir o cargo.

O jornal do partido, Rondong Sinmun, publicou uma notícia na quarta-feira revelando que o líder Kim Jong Un havia dado início ao congresso com um discurso.

Em sua fala, Kim admitiu que o país passou por uma recessão econômica, afirmando que o último plano econômico quinquenal – o qual tinha fim previsto para o ano passado – havia falhado em suas metas em praticamente todos os setores.

Falando sobre questões diplomáticas, ele disse que irá sugerir “políticas estratégicas e táticas” para “a causa da reunificação nacional, para promoção das relações exteriores e para o fortalecimento do trabalho realizado pelo partido”. Não houve outras notícias que reportassem falas mais específicas do líder norte-coreano.

Acredita-se que congresso deva ter duração de vários dias.

Um novo plano quinquenal deve ser revelado durante a realização do congresso. Ele está sendo elaborado em um momento difícil para a Coreia do Norte, após as sanções do Conselho de Segurança da ONU e o fechamento das fronteiras para conter a pandemia do coronavírus terem impactado fortemente a economia do país.