Painel de especialistas exorta governo japonês a declarar estado de emergência

Um painel do governo formado por especialistas em coronavírus disse que a declaração de estado de emergência deve ser emitida para Tóquio e três províncias vizinhas o mais rápido possível.

O grupo compilou a proposta após seus membros terem-na considerado na terça-feira, antes do governo central tomar a decisão final a respeito da emissão do estado de emergência.

O painel disse que a infecção está tomando aspectos nunca vistos antes, indicando que o vírus deverá se disseminar em áreas locais, além daquelas das grandes cidades. Acrescentou que focos de infecções têm apresentado distintas características.

Alertou, também, que o vírus poderá se propagar em todo o país a menos que as infecções nas áreas metropolitanas sejam colocadas sob controle.

Os especialistas disseram que o movimento das pessoas não está diminuindo. Citaram que os serviços de cuidados médicos se encontram sob uma crescente e rigorosa pressão e que números recordes de novos casos são registrados a cada dia em Tóquio.

Eles afirmarm que agora é o momento para declarar o estado de emergência, e assim, conter rapidamente o número de infecções na área metropolitana e reduzir o ônus dos hospitais e dos centros públicos de saúde. Também disseram que a medida é necessária para acabar com as infecções e ajudar o restabelecimento das funções econômicas e sociais o mais cedo possível.

O painel também exortou os moradores da área a evitarem saídas não necessárias e reduzirem o deslocamento para o trabalho em 70% através da adoção de sistema de trabalho remoto.