Trump assina pacote de socorro de US$ 900 bilhões para combate ao coronavírus

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou um pacote de socorro em meio à pandemia do coronavírus com valor de 900 bilhões de dólares, marcando uma virada em relação a ameaça que havia feito de bloquear o projeto.

A Casa Branca anunciou a medida no domingo.

O Congresso aprovou a legislação na semana passada. A iniciativa inclui pagamentos de 600 dólares para cada cidadão americano.

Trump condenou o pacote, afirmando que o montante deveria ser aumentado para 2 mil dólares.

Em declaração feita no domingo, Trump disse: “Como presidente dos Estados Unidos é minha responsabilidade proteger a população do nosso país contra a devastação econômica e as dificuldades causadas pelo vírus chinês”.

O presidente americano afirmou que vai continuar a pedir que o Congresso eleve o valor do pagamento para 2 mil dólares.

O pacote inclui benefícios que estendem seguro-desemprego e auxílio financeiro para firmas de pequeno e médio porte. As medidas estavam estipuladas para serem encerradas no final do mês.

O montante também inclui um orçamento para gastos do governo até setembro, evitando uma iminente paralisação governamental.