NHK Responde: Precauções ao subir o Monte Fuji (7) — Itens que devem ser levados na escalada

A NHK responde a perguntas relacionadas ao bem-estar no dia a dia. O Monte Fuji, o pico mais alto do Japão, atrai, todos os anos, muitos visitantes, inclusive estrangeiros. Contudo a superlotação e o comportamento descuidado dos montanhistas estão causando vários problemas, assim, as autoridades introduziram novos regulamentos e outras medidas que devem ser cumpridos ao subi-lo. Nesta edição, damos enfoque aos itens que devem ser levados ao escalar o Monte Fuji.

O Monte Fuji tem mais de 3.000 metros de altura, então, o clima está sujeito a mudanças repentinas. Os montanhistas precisam estar cientes dos vários perigos em potencial. O site oficial para a escalada do monte apresenta, nos idiomas japonês, inglês, chinês e coreano, os artigos apropriados para levar. As recomendações são as seguintes:

▼Roupas de inverno, incluindo bonés e luvas usados em regiões frias, são necessárias, uma vez que as temperaturas no cume, antes do nascer do sol, podem cair abaixo de zero. No caso de capas de chuva, recomenda-se usar aquelas projetadas para escaladas.
▼Sapatos próprios para caminhadas, de cano alto, são desejáveis para evitar a entrada de cascalhos. Tênis e sandálias não são apropriados.
▼É necessário beber água com frequência para evitar o mal-estar causado pela altitude elevada. Não há fontes de água ou água corrente no Monte Fuji. Você deve contar com, no mínimo, 1 a 2 litros de água potável. Leve o máximo de água possível e compre mais nos chalés da montanha.
▼O site oficial também aconselha os montanhistas a levar capacetes para o caso de uma erupção inesperada. Máscaras e óculos de proteção contra poeira também são úteis para evitar pós nas trilhas de descida.
▼O site também pede que os montanhistas levem lanterna de cabeça, pois é possível que você tenha que descer a montanha no escuro devido ao congestionamento nas trilhas ou ao seu estado de saúde.

Essas informações são do dia 5 de julho de 2024.