Chefe das Forças Armadas de Israel diz que operação em Rafah está prestes a terminar

O chefe das Forças Armadas de Israel indicou que a operação terrestre na parte sul de Gaza está chegando ao fim.

As forças de Defesa de Israel divulgaram na segunda-feira, 24 de junho, uma análise da operação em Rafah, feita pelo tenente-general Herzi Halevi, chefe do Estado-Maior.

Halevi declarou: “Temos feito conquistas de alto nível no combate em Rafah”. E acrescentou: “Estamos claramente nos aproximando do ponto em que podemos dizer que desmantelamos a Brigada de Rafah”, referindo-se às unidades do Hamas em Rafah.

O Hamas, no entanto, disse, em uma mensagem postada na terça-feira nas redes sociais, que havia atacado militares israelenses em Rafah. O grupo islâmico insiste que Israel está rejeitando propostas nas negociações para um cessar-fogo e para a libertação de reféns.

A rede de notícias via satélite Al Jazeera, com sede no Catar, informou, na terça-feira, que os militares israelenses bombardearam a casa da família do líder político do Hamas, Ismail Haniyeh, no norte de Gaza, matando, no mínimo, dez pessoas.

Enquanto isso, de acordo com o Ministério da Defesa de Israel, o ministro da Defesa, Yoav Gallant, encontrou-se com o secretário de Estado do governo americano, Antony Blinken, em Washington, na segunda-feira, e diz que eles discutiram uma alternativa de governo em Gaza e a situação de segurança envolvendo o grupo militante xiita Hezbollah, baseado no Líbano.