Japão e Chile vão expandir laços em mineração e fornecimento de lítio

Japão e Chile vão fortalecer a cooperação na mineração e no fornecimento de lítio, um metal essencial para a fabricação de baterias usadas em veículos elétricos e outros dispositivos.

O ministro da Economia, Comércio e Indústria do Japão, Saito Ken, se reuniu na sexta-feira com a ministra de Mineração do Chile, Aurora Williams, em Tóquio. Eles declararam que os dois países vão trabalhar em conjunto para garantir o fornecimento estável do metal e o uso de métodos de mineração que protejam o meio ambiente.

Saito afirmou que o Japão vai oferecer conhecimento e tecnologias para contribuir com a estratégia chilena de expansão do fornecimento de lítio.

Williams declarou que o Chile visa estabelecer uma cadeia de suprimentos estável de lítio e que empresas japonesas podem apoiar esta meta.

Muitos países estão competindo para garantir o fornecimento do metal como parte dos esforços de redução da dependência de combustíveis fósseis e de redução das emissões de carbono.

Cerca de 60% das reservas conhecidas do mundo estão na Bolívia, na Argentina e no Chile, no que é coletivamente conhecido como “O Triângulo do Lítio”.