Ex-intérprete de Ohtani Shohei declara-se culpado de fraudes bancária e fiscal

O ex-intérprete do jogador japonês Ohtani Shohei, da Major League Baseball, admitiu ter roubado vários milhões de dólares do astro para pagar por anos de perdas em jogos de azar.

Nesta terça-feira, Mizuhara Ippei compareceu a um tribunal federal em Santa Ana, na Califórnia, onde se declarou culpado das acusações de ter cometido fraude bancária e apresentação de uma declaração fiscal falsa.

O juiz instruiu Mizuhara a explicar suas condutas com suas próprias palavras.

Ele disse que contraiu uma grande dívida em jogos e que a única maneira em que conseguiu pensar foi usar o dinheiro da conta bancária de Ohtani, à qual ele tinha acesso.

Os promotores dizem que Mizuhara começou a fazer apostas em jogos esportivos em 2021 através de uma casa de jogatina ilegal. Acrescentam que ele acabou roubando quase 17 milhões de dólares de Ohtani.

Os promotores dizem, também, que não há evidências de que Ohtani estivesse envolvido ou mesmo estivesse ciente das apostas.

Mizuhara pode pegar até 33 anos de prisão. No entanto, no mês passado, ele chegou a um acordo judicial com os promotores federais. A sentença provavelmente será bastante reduzida e está marcada para ser proferida no dia 25 de outubro.