Sede da Yamaha Motor é inspecionada por ministério após irregularidades

Funcionários do governo conduzem uma inspeção na sede da Yamaha Motor, localizada na região central do Japão.

A medida vem após revelações no início desta semana de que a fabricante de motos, junto a outras quatro montadoras de veículos do Japão, como a Toyota Motor, falsificou testes de desempenho para obter certificações para seus produtos.

Na quarta-feira (5), inspetores do Ministério dos Transportes, Infraestrutura e Turismo averiguaram a sede da Yamaha, na província de Shizuoka.

Os funcionários estão verificando os registros de testes e entrevistando executivos, bem como o pessoal encarregado das simulações.

A Yamaha confirmou que conduziu testes de ruído de forma inadequada em um modelo de motocicleta atualmente na linha de produção da empresa. O envio de lotes do modelo foi interrompido pela Yamaha.

Irregularidades também foram encontradas em duas outras motos produzidas no passado pela Yamaha.

A Toyota, por sua vez, teve a inspeção de sua sede iniciada pelo ministério na terça-feira (4).