Coreia do Norte pode ter usado novo motor de foguete com apoio da Rússia

De acordo com especialistas na Coreia do Sul, a Coreia do Norte pode ter usado um novo tipo de motor de foguete introduzido com apoio da Rússia no lançamento fracassado de segunda-feira. Pyongyang afirma se tratar de um satélite de reconhecimento militar.

Na terça-feira, a Administração Nacional de Tecnologia Aeroespacial da Coreia do Norte afirmou que um novo foguete transportando um satélite de reconhecimento militar havia sido lançado na noite de segunda-feira, mas explodiu em pleno ar.

Em uma conclusão preliminar, o órgão norte-coreano atribuiu o lançamento fracassado a um novo motor de “oxigênio líquido mais petróleo”.

Especialistas sul-coreanos dão a entender que o novo motor usa querosene junto com oxigênio líquido e que pode ter sido adotado às pressas com suporte técnico russo. No passado, Pyongyang usou um tipo diferente de combustível líquido.

A imprensa da Coreia do Sul citou fontes do governo do país segundo as quais muitos engenheiros russos visitaram a Coreia do Norte e testes de combustão do motor foram realizados repetidamente. Segundo especialistas, a Rússia pode fornecer um apoio ainda mais ativo após o último lançamento fracassado.