Castelo Shuri em Okinawa realiza ritual pela segurança na restauração

Uma cerimônia tradicional foi realizada para pedir pela segurança da reconstrução em andamento no Castelo Shuri em Okinawa, no sudoeste do Japão. O salão principal e outros edifícios foram destruídos em um incêndio em 2019.

Cerca de 80 pessoas, incluindo carpinteiros, participaram do ritual na segunda-feira, depois que parte do telhado foi concluída.

Os participantes fizeram orações enquanto a madeira era fixada no lugar com um martelo.

O mestre carpinteiro Kondo Katsuaki disse que está feliz em celebrar um ponto de virada na restauração do edifício.

Okumura Koji, que supervisionou a obra no telhado, disse que a restauração do castelo levará mais dois anos e meio, e ele está determinado a seguir em frente.

A instalação das telhas está prevista para começar neste verão.

Os carpinteiros concluíram a estrutura do salão principal no final do ano passado. A reconstrução total do salão principal está prevista para ser finalizada no outono de 2026.

O Castelo Shuri original foi construído há cerca de 500 anos. Ele foi destruído durante a Segunda Guerra Mundial, e o salão principal e outros edifícios foram reconstruídos décadas depois. No ano 2000, as ruínas do castelo original foram designadas como Patrimônio Mundial da Unesco.