Previsão é de chuvas torrenciais para o sudoeste do Japão

Meteorologistas no Japão alertam para faixas de nuvens carregadas que podem causar chuvas torrenciais em algumas partes das províncias de Kagoshima e Miyazaki, localizadas no sudoeste do país, de segunda à noite até terça-feira.

A Agência de Meteorologia do Japão diz que a chuva está ficando mais pesada, especialmente ao longo do Pacífico. Afirma que isso ocorre porque uma massa de ar quente e úmido está fluindo para uma frente que se estende a partir de um sistema de baixa pressão que paira sobre o Mar do Japão.

A agência informa que as condições atmosféricas permanecerão bastante instáveis até a quarta-feira em áreas desde Okinawa e Amami, no sudoeste, até o leste do país. Podem ocorrer chuvas muito fortes e tempestades localizadas.

A previsão é de que, nas 24 horas até o entardecer de terça-feira, a precipitação chegue a 300 milímetros no sul de Kyushu, 250 nas regiões de Shikoku e Kansai e em Amami, 200 milímetros no norte de Kyushu e na região de Tokai, 180 milímetros na região de Kanto-Koshin e 150 em Okinawa.

Meteorologistas pedem cautela para deslizamentos de terra, inundações em áreas baixas e cheia em rios. Também aconselham atenção para ocorrência de raios, tornados e granizo. As pessoas são instadas a se abrigar em edifícios robustos se houver sinais de aproximação de tempestades desenvolvidas.

Enquanto isso, o primeiro tufão da temporada, o Ewiniar, que se formou no domingo, está se movendo em direção ao nordeste enquanto se desenvolve. A previsão é de que a tempestade se aproxime do país pela região de Daitojima, em Okinawa, no sudoeste do Japão. Recomenda-se cuidado para ventos fortes e ondas altas.