EUA e Egito concordam em retomar a entrega de ajuda em Gaza através de ponto de passagem terrestre

Os Estados Unidos e o Egito concordaram em retomar a entrega de ajuda na Faixa de Gaza através de um ponto de passagem de fronteira terrestre.

A Casa Branca disse que o presidente Joe Biden conversou com o presidente egípcio Abdel Fattah el-Sisi por telefone na sexta-feira.

Apontou que Biden saudou o compromisso de Sisi de permitir o fluxo da ajuda humanitária fornecida pela ONU a partir do Egito através do ponto de passagem de fronteira de Kerem Shalom em caráter provisório. O lado egípcio também anunciou o acordo.

A medida ocorre em meio a uma grave escassez de alimentos em Gaza.

As Nações Unidas dizem que o ponto de passagem de Rafah entre o Egito e o sul de Gaza está fechado desde o início das operações terrestres das forças israelenses.

As entregas de ajuda através de um píer temporário construído pelos EUA na costa de Gaza começaram em 17 de maio.

O Departamento de Defesa dos EUA disse na quinta-feira que 506 toneladas de ajuda já foram distribuídas em Gaza pelas Nações Unidas desde o início da iniciativa.

O Wall Street Journal, no entanto, afirma que a quantidade é praticamente equivalente à carga de 71 caminhões, muito abaixo da meta inicial de 90 cargas de caminhão por dia.

O jornal também afirma que esse valor é cerca de 15% da necessidade diária mínima estimada para uma população de mais de dois milhões de pessoas.