Japão ressalta importância de cúpula trilateral para paz e prosperidade regional

O secretário-chefe do gabinete do Japão, Hayashi Yoshimasa, disse que a próxima cúpula entre a Coreia do Sul, China e Japão na segunda-feira (27) em Seul será uma oportunidade importante para toda a região.

Na declaração que fez na quinta-feira, Hayashi destacou que os líderes dos três países compartilham a responsabilidade pela paz e prosperidade na região. Afirmou que eles se reunirão em meio a uma grande mudança na situação internacional para discutir a cooperação e formas de lidar com os desafios que enfrentam.

Hayashi não quis comentar quando um repórter perguntou se seriam discutidas as negociações, ora paralisadas, sobre um acordo trilateral de livre comércio. Ele citou que o Japão considera importante que as três nações fortaleçam as regras sobre comércio e investimento livres e justos.

Hayashi confirmou que o premiê japonês, Kishida Fumio, irá se reunir com o presidente sul-coreano, Yoon Suk-yeol, antes da cúpula trilateral. Disse que o Japão continuará reforçando a expansão do diálogo e cooperação com a Coreia do Sul.

Hayashi mencionou que o Japão e a China ainda estão tentando marcar uma reunião entre Kishida e o primeiro-ministro chinês, Li Qiang, à margem da cúpula trilateral.

Ele reiterou a política do governo japonês de que as duas nações devem se esforçar para estabelecer laços bilaterais construtivos e estáveis, promovendo uma relação mutuamente benéfica baseada em interesses estratégicos comuns.

Hayashi afirmou que o Japão pretende manter comunicações com a China em várias formas.