Presidentes da Rússia e da China exaltam aliança bilateral em Pequim

Os presidentes da Rússia e da China reafirmaram a importância da cooperação bilateral em reunião de cúpula realizada em Pequim.

Vladimir Putin foi recebido por Xi Jinping na tarde desta quinta-feira. O líder russo chegou de manhã a Pequim em visita oficial de dois dias à China. É a primeira viagem de Putin ao exterior desde que ele iniciou o seu quinto mandato, em 7 de maio.

Órgãos de comunicação chineses noticiaram que o presidente da China felicitou o chefe de Estado pelo seu quinto mandato e disse que a Rússia certamente fará novos e maiores avanços no desenvolvimento nacional sob a liderança de Putin.

Xi teria lembrado a Putin que ambos se reuniram mais de 40 vezes ao longo dos anos e mantêm uma estreita comunicação. Deu a entender que Pequim vai fortalecer ainda mais a cooperação com Moscou.

De acordo com as notícias, Xi teria dito que o desenvolvimento estável das relações bilaterais não é apenas do interesse fundamental dos dois países, mas também conduz à paz, à estabilidade e à prosperidade da região e do mundo.

Putin teria respondido que a Rússia e a China construíram um relacionamento pragmático de cooperação mútua.

A mídia russa divulgou declarações de Putin de que a cooperação entre a Rússia e a China serviria como um dos principais fatores de estabilização no plano internacional. O presidente da Rússia teria enfatizado a importância das relações bilaterais em questões econômicas e em outras áreas.