Força Aérea de Autodefesa do Japão diz que janela de cabine de aeronave abriu-se a 800 metros de altitude

Na quinta-feira, uma aeronave da Força Aérea de Autodefesa do Japão realizou um pouso de emergência, devido ao fato de uma janela da cabine ter se aberto repentinamente a cerca de 800 metros acima das águas ao largo da Ilha de Sado, na região central do Japão.

O avião de transporte C2 aterrissou no Aeroporto de Niigata após a janela do lado esquerdo da cabine se abrir durante um voo de treinamento.

A Força Aérea de Autodefesa disse que nenhum dos oito tripulantes ficou ferido e que a janela não caiu da aeronave.

As investigações constataram que a janela se abriu por volta das 16h55, enquanto o avião voava pelo norte da Ilha de Sado, no Mar do Japão, a aproximadamente 800 metros de altitude. A aeronave havia decolado da Base Aérea de Iruma, nas proximidades de Tóquio.

A Força Aérea de Autodefesa diz que a janela foi projetada para ser aberta e fechada manualmente e basicamente permanece travada durante os voos.

A aeronave de transporte C2 permanecia estacionada no Aeroporto de Niigata na manhã desta sexta-feira, e a força diz que não se sabe exatamente quando a operação do avião poderá ser reiniciada.