China alugará casal de pandas-gigantes para Espanha

A China planeja emprestar um casal de pandas-gigantes para um zoológico da Espanha, em uma aparente tentativa de estabilizar as relações com nações europeias.

A agência de notícias estatal da China, Xinhua, afirma que os animais - um macho e um fêmea, ambos nascidos em 2020 - foram mantidos na Base de Pesquisa de Criação de Pandas-Gigantes de Chengdu, na província de Sichuan.

Ainda segundo a Xinhua, os dois pandas devem deixar Chengdu e partir para um zoológico localizado em Madri, capital da Espanha, na segunda-feira.

O instituto de pesquisa postou um vídeo nas redes sociais mostrando como os pandas têm vivido em Chengdu.

Outro casal de pandas-gigantes será alugado para um zoológico da cidade de São Francisco, nos Estados Unidos, em 2025.

O Ministério das Relações Exteriores da China diz que está ativamente envolvido em negociações sobre possíveis arrendamentos de pandas para vários zoológicos nos Estados Unidos e na Áustria.

O governo chinês tem alugado pandas-gigantes para outras nações como símbolo de amizade e como um meio para aprofundar as relações bilaterais na chamada “diplomacia do panda”.

Especialistas no assunto dizem que, aparentemente, a China pretende usar a diplomacia do panda para estabilizar as relações com os Estados Unidos e a União Europeia, que estão tentando reduzir sua excessiva dependência na economia chinesa.