Secretário de Defesa dos EUA volta a ser hospitalizado; vice assume a pasta

O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, voltou a ser hospitalizado e suas incumbências foram temporariamente transferidas para o vice-secretário.

No domingo, o Departamento de Defesa dos EUA revelou que Austin foi levado a um hospital militar perto de Washington DC para ser examinado devido a “sintomas que sugerem um possível problema na bexiga”.

A pasta afirma que Austin ainda se encontra hospitalizado e que está recebendo tratamento. Cerca de duas horas e meia após ter sido levado ao hospital, as funções e responsabilidades de seu escritório foram transferidas para o vice-secretário.

Em dezembro, Austin passou por uma cirurgia de câncer de próstata e foi internado em janeiro devido a complicações.

O fato de Austin ter deixado de informar o presidente Joe Biden sobre a cirurgia e a hospitalização com antecedência gerou duras críticas à gestão de crises do governo americano.

Na mais recente ocorrência, Austin teria notificado a Casa Branca, o chefe do Estado-Maior Conjunto dos EUA, o Congresso e outros sobre a situação.

Os problemas de saúde de Austin têm inevitavelmente chamado a atenção, já que sua mais recente internação hospitalar ocorre em meio a dificuldades do governo dos EUA em lidar com problemas de segurança no Oriente Médio, na Ucrânia e demais localidades.