Junta de Mianmar declara serviço militar obrigatório para jovens

A junta de Mianmar anunciou o serviço militar obrigatório para jovens, aparentemente para compensar os soldados que perdeu lutando contra forças pró-democracia e milícias de minorias étnicas.

A mídia estatal do país disse no sábado que a medida começará de acordo com uma lei promulgada em 2010 para obrigar o recrutamento.

A mídia disse que homens de 18 a 35 anos e mulheres de 18 a 27 anos devem servir por até dois anos. O serviço militar pode ser estendido para cinco anos durante o estado de emergência.

Os militares enfatizaram que todo cidadão tem o dever de salvaguardar a independência, soberania e integridade territorial de Mianmar.

Os militares do país tomaram o poder em um golpe em fevereiro de 2021. Desde então, eles vêm lutando contra forças pró-democracia e milícias de minorias étnicas.

Mas os militares estão encarando um número crescente de soldados mortos ou se rendendo depois que a aliança de militantes étnicos lançou ofensivas coordenadas no final de outubro no estado oriental de Shan.