Orientação multilíngue é oferecida para estrangeiros em região atingida por terremoto no Japão

Orientações em diversos idiomas foram oferecidas na província de Ishikawa, na região central do Japão, para apoiar residentes estrangeiros que perderam suas casas e empregos devido ao terremoto do dia 1º de janeiro.

Funcionários da Fundação de Intercâmbio Internacional de Ishikawa e da Agência de Serviços de Imigração realizaram conjuntamente uma sessão de orientação na cidade de Kanazawa, na quinta-feira.

Participantes puderam receber orientação gratuita com a ajuda de intérpretes em vários idiomas. Também havia disponibilidade de obter orientações online.

Uma participante filipina trabalhava como cuidadora em uma casa coletiva para idosos na cidade de Wajima, no âmbito do programa governamental para trabalhadores com habilidades específicas. Mas ela perdeu sua fonte de renda quando a casa coletiva suspendeu o funcionamento após o terremoto.

Ela disse que seu dormitório ficou danificado e não era um local seguro para ficar, então passou cerca de uma semana em um abrigo e depois se mudou para a casa de um conhecido em Kanazawa.

Ela perguntou a um dos orientadores se poderia obter qualquer apoio financeiro para pessoas afetadas pelo terremoto e recebeu conselhos sobre como obter esses auxílios.

A agência de imigração afirma que o número de estrangeiros que trabalham na região duramente atingida de Noto, incluindo estagiários técnicos do exterior, estava acima de 3.200 em junho do ano passado. Mas a central de atendimento ofereceu apenas cinco sessões de orientação, incluindo as online, no evento de quinta-feira (8).

A Fundação planeja realizar outra sessão informativa na quinta-feira da próxima semana no Centro de Intercâmbio Internacional da Província de Ishikawa, em Kanazawa.

Takahashi Kenshi, funcionário da fundação, diz que a entidade está tentando fornecer informações a residentes estrangeiros, mas alguns deles aparentemente não teriam conhecimento da iniciativa. Pede que moradores locais que conhecem estrangeiros que os ajudem a serem informados sobre o serviço.